Nova Geração Apocalipse 8 – Congregação da Filadélfia

Filadélfia

é uma das sete congregações citadas no Apocalipse. 

Nova Geração Apocalipse 8 – Congregação da Filadélfia

Apocalipse, capítulo 3

7 E ao anjo da congregação de Filadélfia escreve: Essas coisas diz o santo, o verdadeiro, o que tem a chave de Davi, o que abre e ninguém fechará e, fechando, também ninguém abre. 8 ‘Conheço as tuas obras; eis que dei diante de ti uma porta aberta, a qual ninguém consegue fechar, porque tens exíguo poder e guardaste a minha palavra e não renegaste o meu nome. 9 Eis que dou [aqueles] da sinagoga de Satanás, que dizem ser judeus e não são, pois mentem — eis que farei com que eles venham prostrar-se diante dos teus pés e com que saibam que eu te amei. 10 Porque guardaste a palavra da minha perseverança; e eu te guardarei da hora da provação que está prestes a chegar para todo o mundo habitado para pôr à prova os habitantes na terra. 11 Venho depressa. Fortalece o que tens, para que ninguém tire a tua coroa. 12 O vencedor: farei a ele coluna no templo do meu Deus e para fora não mais sairá; e ainda escreverei nele o nome do meu Deus e o nome da cidade do meu Deus, da nova Jerusalém, ela que desce do céu de junto do meu Deus; e [escreverei] o meu nome novo. 13 Quem tem ouvido que ouça aquilo que o espírito diz às congregações.’ 

Bíblia – Novo Testamento, vol. II: Apóstolos, Epístolas, Apocalipse. Tradutor: Frederico Lourenço

Diálogo mediúnico

Queridos filhos, queridas filhas, que o Cristo, esse amigo sincero, leal e amoroso, nos ampare e nos auxilie nesse instante em que vamos falar sobre esta belíssima congregação. Esse grupo imenso de espíritos que, de fato, entenderam a postura que o Cristo quer de cada um deles. 

Podemos iniciar, minha amiga. 

Muito obrigada pela sua presença hoje. A nossa pergunta sobre o estudo é: qual o papel do cristão na regeneração do mundo? 

Tema excelente. Excepcionalmente importante, porque cristãos não estão pensando seriamente nisso. Cada um imagina do jeito que quer como será, usando palavra de vocês, a salvação individual. E pronto. Diz: não, minha salvação é assim, e decidido. 

Observe no estudo, no trecho estudado, que Cristo diz: guardaste a minha palavra. Que significa isso? Ouviste com atenção, mas também, quis entender. Primeiro passo. Queremos realmente entender as leis espirituais? Queremos realmente entender como Deus cuida do universo? Queremos realmente entender como cada um de nós deve se portar diante de Deus? Todos nós somos seres sem poder, com pouquíssimo poder. Entendemos isso?

Se entendemos a palavra do Cristo, temos a necessidade de dar um segundo passo: vivê-la, aplicá-la. Porque uma vez tendo ouvido a palavra do Cristo não temos nenhuma desculpa. Ou nós acolheremos o Cristo, ou nós o expulsaremos, não há outra opção. 

Por isso, Ele fala que não foi renegado por esse grupo espiritual. E não precisa ser especial para fazer parte desse grupo, é principalmente uma questão de escolha. Não é difícil entender o Cristo. E todos podem, passo a passo, ir aplicando em suas vidas os ensinos do Mestre. 

Cristo não diz: vocês são perfeitos. Não. Cristo fica feliz por essas duas coisas: vocês levaram à sério minha palavra. Quiseram entendê-la, se perguntaram, se esforçaram. E estão praticando. 

Ora, todo o mais, podemos dizer, são armadilhas de lobos para prender lobos. Que quero dizer com isso? Ao longo de quase dois mil anos, que fazem muitos que se dizem cristãos? Dizem: eu sou cristão, e lutam pela bandeira deles. Mesma coisa vemos hoje em centro espírita. Ah, eu sou cristão, mas vou fazer guerra para ficar rico, essa é a intenção… Ah, eu sou cristão, mas eu vou trabalhar aqui para ficar famoso… Ah, eu sou cristão, mas o meu trabalho objetiva que eu mande nos outros… Ah, eu sou cristão, ouvi, sei falar tudo do Cristo, mas eu quero que a minha inferioridade seja saciada com riqueza, com fama, com poder, qualquer coisa. Aí está, filhos, o caminho da perdição. Não se pode achar que vai servir o Cristo fazendo carreira em movimento espírita. Conchavos, política, dinheiro. Esses são os que renegam o Cristo. 

Não é possível, filho. Exibindo-se de humildes, exibindo-se como missionário, que triste. Querendo sempre disfarçar, como fazem há dois mil anos, as suas torpezas como se fossem virtudes cristãs. Como conhecer o verdadeiro cristão? Como? Ele não renega o Cristo. Ele não busca essas coisas. Ele não faz esse tipo de coisa.

Gosto muito de Pedro, de lembrar desse amigo generoso. Não, ele não vivia esse tipo de coisa. Ele lidava com os abutres de Jerusalém, mas, em suas relações, ele nunca usava essas espertezas como modelo. O verdadeiro cristão, filhos, usa o modelo do Cristo. Da honestidade, da simplicidade, mesmo que assim ele perca vantagens financeiras. É o indivíduo que diz: se eu fosse esperto aqui, ganharia muito, mas ele abre mão, porque diz: mas eu renegando o Cristo, enganando. Ah, mas se aqui eu fosse agressivo e gritasse e quebrasse, eu conseguiria o que quero, mas ele pensa: não, não vale à pena eu conquistar isso renegando o Mestre. 

Muitos hoje defendem, em púlpito espírita, renegar o Mestre, porque afinal de contas, aí eles contam várias desculpas… 

O papel de vocês, filhos, no mundo de regeneração, acredito eu, agora está muito claro. Não é mudar o mundo, coitado dos espíritos que pensam que podem mudar a Terra! Ninguém pode. São bilhões e bilhões de espíritos, encarnados e desencarnados, em imensa loucura. Imagine você querer condenar uma multidão enlouquecida de bilhões de espíritos. É quando vocês dizem que: eu vou regenerar a Terra. Não filho, ninguém tem poder disso. 

Precisa seguir o Cristo. O Cristo sim, coordena. Mas não esqueçam filhos, de quem é o Reino? O Reino é de Deus. O Reino é de Deus. O Cristo, sim, é o rei, é o governante, mas de quem é o Reino? De Deus. Já está dito há muito tempo. Vocês que não entendiam. 

Não façamos nada, como eu vejo hoje tão tristemente, em nome do Cristo, agindo de forma torpe. Ah, eu tenho que ganhar essa eleição do centro porque fulano vai destruir tudo. Tudo bem, se candidata, fala que quer, mas não usa, filho, torpeza, não usa fofoca. Não usa denegrir, não usa maldade. E você vai dizer: ah, mas se eu não fizer isso ele vai ganhar. Sim, ele pode optar entrar na sinagoga de Satanás, mas você não precisa ir com ele. É o que o Cristo diz aqui, não precisa. E no momento da justiça, ele será humilhado, mas não cabe a você isso. Cabe você entender que é possível seguir o caminho do Cristo. 

Resumo, filhos, de forma seguinte: você saberá. Se você abrir mão de todas as vitórias do mundo, você saberá qual a vontade do Cristo. O problema é que a pessoa pensa: o que eu ganho? O que eu perco? Depois pensa no Cristo. Não vai conseguir acertar. A pergunta é: o que o Cristo quer que eu faça? Mesmo que eu perca vantagem… Mesmo que eu não me torne famoso, mesmo que eu não ganho dinheiro, mesmo que eu não seja lá uma pessoa considerada importante. Que bom, é até um sinal bom. Mesmo que eu seja alguém sem poder no mundo. Sem ter contatos telefônicos importantes, cosias do tipo que vocês acham que vale muito. 

Porque é importante que tua consciência te diga se tu estás participando da sinagoga de Satanás ou se estás participando da comunidade Filadélfia, comunidade do amor fraterno. 

E encerro explicando isso, que resume tudo: estar com o Cristo é em todas as situações agir com amor fraterno. 

Que vocês fiquem em paz,
Do amigo espiritual de sempre.

As sete comunidades a que se refere o Apocalipse localizam-se na Ásia menor (hoje, Turquia) e são próximas umas das outras.
A ilha de Patmos, onde se acredita que o apóstolo João recebeu a revelação.

Ruínas de teatro na cidade de Filadélfia

Vista do alto das ruínas da congregação da Filadélfia

Conceitos

Sete candelabros

O candelabro é o símbolo das comunidades cristãs, grupos no mundo material que tem a função de sustentar e propagar a luz. O número sete significa totalidade. Nesse contexto, a totalidade dos grupos cristão no mundo.

Árvore da vida

A árvore é um dos símbolos mais ricos e complexos que existem. É integração entre as profundezas da terra, a superfície e o ar. Árvore da Vida é a origem e fonte nutridora de toda a vida material e espiritual.

Sete estrelas

As estrelas representam os anjos ligados as igreja. O número sete significa totalidade. Nesse contexto, significa o conjunto dos anjos - espíritos orientadores - responsáveis por todas as comunidades cristãs.

Nicolaítas

Tudo isso indica que os Nicolaítas ensinaram que os cristãos estavam livres da lei e que ele pode fazer exatamente o que quiser. Eles perverteram os ensinamentos de Paulo e transformaram a liberdade cristã em licenciosidade cristã..

A GÊNESE, OS MILAGRES E AS PREDIÇÕES SEGUNDO O ESPIRITISMO

CAPÍTULO XVIII – OS TEMPOS SÃO CHEGADOS : Sinais dos Tempos e a Nova Geração

25. O Espiritismo não cria a renovação social; a madureza da humanidade é que fará dessa renovação uma necessidade. Pelo seu poder moralizador, por suas tendências progressistas, pela amplitude de suas vistas, pela generalidade das questões que abrange, o Espiritismo, mais do que qualquer outra doutrina, está apto a secundar o movimento regenerador; por isso, ele é contemporâneo desse movimento. Surgiu no momento em que podia ser útil, visto que também para ele os tempos são chegados. Se tivesse vindo mais cedo, teria encontrado obstáculos insuperáveis; teria inevitavelmente sucumbido, porque os homens, satisfeitos com o que tinham, ainda não sentiriam falta do que ele lhes traz. Hoje, nascido com as ideias que fermentam, encontra o terreno preparado para recebê-lo. Os espíritos cansados da dúvida e da incerteza, horrorizados com o abismo que se lhes abre à frente, o acolhem como âncora de salvação e suprema consolação.

 26. Certamente o número de retardatários ainda é grande; mas que podem eles contra a onda que se levanta, senão atirar-lhe algumas pedras? Essa onda é a geração que surge, ao passo que eles somem com a geração que vai desaparecendo todos os dias a passos largos. Até lá, porém, eles defenderão o terreno palmo a palmo. Haverá, portanto, uma luta inevitável, mas desigual, porque é a do passado decrépito a cair em frangalhos, contra o futuro juvenil. Será a luta da estagnação contra o progresso, da criatura contra a vontade do Criador, pois os tempos marcados por Ele são chegados.

Kardec, Allan. A Gênese (pp. 428-429). FEB. Kindle Edition.

Ruínas históricas das cidades citadas no Apocalipse
Slide Heading
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.
Click Here
Previous
Next

O que você achou?