Nova Geração Livro dos Espíritos – Questão – 561 – Habilidades Específicas

Livro dos Espíritos

Segunda Parte – Mundo Espírita ou Dos Espíritos 

Capítulo X -Ocupações e missões dos espíritos

Questão 561

561. As funções que os espíritos desempenham, na ordem das coisas, são permanentes para cada um e estão nas atribuições exclusivas de algumas classes?
“Todos devem percorrer os diferentes graus da escala, para se aperfeiçoarem. Deus, que é justo, não poderia ter querido dar a uns a ciência sem-trabalho, enquanto outros só a adquirem penosamente.”


Também, entre os homens, ninguém chega ao grau supremo de habilidade numa arte qualquer, sem ter haurido os conhecimentos necessários na prática das etapas básicas dessa arte. [Comentário de Kardec]

Mensagem de encerramento

Queridos filhos e filhas,

Já vimos, sabemos, entendemos, o quanto de zelo o Cristo tem para cada um de nós. O quanto os espíritos amigos se preocupam, dedicam, trabalham e estudam para lhe ajudar. Mas chega uma hora em que você tem um grau de maturidade, que lhe obrigue a fazer a seguinte pergunta para si mesmo: o quanto de zelo tenho tido pela obra do Cristo? O quanto de zelo tenho tido pelo consolador, pela obra de Allan Kardec e dos espíritos superiores? O quanto eu trato tudo com respeito, reflexão, carinho, dignidade? Ou eu trato o conhecimento espírita como parque de diversão? Agora vou me divertir levianamente falando de encarnação. Agora vou me divertir levianamente conversando e ensinando sobre mediunidade… Como trato cada coisa? Isto é decisivo! Vou pensar, ler, consultar outras pessoas que aparentemente conhecem mais do que eu, e acima de tudo, vou perguntar a Allan Kardec: o que será que Kardec escreveu mais sobre isto? Como Kardec relata tal fato, como ele lida com tal fenômeno? Como?  

Tudo isto mostra, filhos, a atenção ao Cristo. Respeito a obra grandiosa que é o Espiritismo, que foi entregue ao mundo por mãos luminosas. Não podemos, não devemos nos permitir tratar o Espiritismo como se fosse qualquer coisa. Como se fosse uma atividade a mais. Não, filhos! O Espiritismo merece de nós nosso coração – é um casamento espiritual profundo, que nós devemos buscar e manter com o mais alto. Com o Espirito de Verdade, nosso Mestre.  

Não podemos tolerar como o Cristo não tolerou, que o Espiritismo seja transformado em um covil de leviandade, de ladrões, estupides, não! O Mestre com a corda em punho expulsou todos do templo. E você, por que permite que palestrantes, médiuns levianos, vivam em teu templo íntimo? Por que, filhos? Por que filhas? Não façam isto! Faça com que o Cristo, com que o consolador habite o seu templo. Leia as mensagens elevadas, leia os testemunhos que Kardec selecionou para você, espírito necessitado da humanidade sofredora.  

Busque, esforce-se, medite, ore, para que a luz do Cristo se estabeleça em seu coração. Busque com sinceridade e nós que trabalhamos ligados a Kardec, em nome do Cristo ajudaremos a você por todos os meios. Assim ensinou Jesus. Quem o buscava, em qualquer situação, se quisesse de fato consolo, aprendizado, ele nunca negava. Mas é necessário que você faça a sua parte! Sabe porquê? Pois ele já se apresentou a você. Você conhece o consolador, necessário é que agora, com coragem, apanhe a corda que castiga no seu templo interior e expulse para sempre tudo o que há de podridão, falsidade, fofoca, mentira e intriga, e diga: no meu templo interior, apenas o Cristo há de reinar! 

Que você fique em paz, do amigo espiritual de sempre.  

Categories: Nova Geração

O que você achou?