Nova Geração Livro dos Espíritos – Questão – 584 a – O Bem Sem Consciência

Livro dos Espíritos

Segunda Parte – Mundo Espírita ou Dos Espíritos 

Capítulo X -Ocupações e missões
dos Espíritos

Livros
Dos
Espíritos

584-a. Aquele que é instrumento dessas calamidades passageiras nada tem com o bem que delas resulta, pois só se propõe um alvo pessoal; não obstante, aproveitará desse bem?
– Cada um é recompensado segundo as suas obras, o bem que desejou fazer e a orientação de suas intuições.

Mensagem de encerramento

Queridos filhos, queridas filhas, que o Cristo nos ampare neste instante em que tanto precisamos do seu olhar meigo, das suas energias amparadoras, acolhedoras, protetoras.

Fiquemos com o seguinte trecho deste estudo de hoje: as intenções, o desejo, isto é o fundamento de tua vida, em grande parte.

Filho, quais são os teus desejos sinceros? Atenta para isto. Claro, você não vai encontrar em você uma multidão predominante de desejos superiores. Mas ainda assim é preciso olhar para os teus desejos. Que desejos são tristes, mas aceitáveis? Que desejos precisam ser transformados imediatamente? E, principalmente, quais são os teus desejos nobres que precisam ser alimentados? Este é fundamental!

Quer sair de uma vida de ódio, ganância, disputa? Alimenta teus desejos elevados. Todos vocês possuem sementes de desejos elevados, claro que sim! Por que não alimentá-los? Talvez você pergunte: como faço para alimentar? Claro que você sabe, porque você sabe alimentar maus desejos. Então, o método é muito parecido. Alimenta os bons desejos. Por exemplo: você tem muita inveja do carro de um amigo. Então fica pensando: ah… quando eu tiver este carro, se tivesse esse carro, que coisas faria, como seria, etc… Pega o teu bom desejo e diz: queria, por exemplo, ser uma pessoa tão elevada que onde eu chegasse levasse harmonia. Começa a imaginar: “Como será bom quando eu for assim. Como será bom que em cada ambiente que chegue leve a paz, tranquilidade, conforto”.

Imagine, imagine e vá se alimentando disto. Mas entenda, não é imitar gesto de ninguém. É você alimentar isto no teu próprio coração. Se você for fazendo isto, passo-a-passo, pouco-a-pouco, vocêvai observando “Como são estas pessoas? Como elas vibram?” E vai buscando o teu caminho, do mesmo jeito que você buscaria o caminho para comprar um carro, que no exemplo inicial, inveja do outro.

Você vai buscando o teu próprio caminho para conquistar esta capacidade de levar harmonia para diversos ambientes. E você investe nisto, e olha: “Oh… desta vez consegui. Levei um pouco de paz para aquele ambiente. Vou continuar. No outro já não consegui. Que será que me ajuda? Será que é uma prece sincera? Será isto, aquilo?” E vai planejando e vai tendo a felicidade de ter uma meta elevada. E isto te guiará para caminhos maravilhosos. Do mesmo jeito que a inveja e a competição te levarão para caminhos tenebrosos, se alimentados, este tipo de desejo, qualquer desejo realmente sublime, mesmo que pequenino, vai te conduzir para caminhos maravilhosos.

Portanto, filhos, desejo é algo muito sério, e que precisa ser alimentado. Desejo do bem precisa ser todo o dia alimentado, porque assim você irá educar a si mesmo, aprendendo a servir em nome do Cristo.

Que vocês fiquem em paz,

Do amigo espiritual de sempre.

Outros Programas

Nova Geração Livro dos Espíritos – Questão 585 – Os Três Reinos

O que os Espíritos pensam da divisão da Natureza em três reinos, ou melhor, em duas classes: a dos seres orgânicos e a dos inorgânicos? Segundo alguns, a espécie humana forma uma quarta classe. Qual destas divisões é preferível?

Categories: Nova Geração

O que você achou?