Nova Geração Livro dos Espíritos – Questão – 604 a – Inteligência dos animais

Previous
Next

Livro dos Espíritos

Segunda Parte – Mundo Espírita ou Dos Espíritos 

Capítulo XI – Os Três Reinos 

Questão 604 a

Livros
Dos
Espíritos

a) A inteligência é, então, uma propriedade comum, um ponto de contato, entre a alma dos animais e a do homem?
“Sim, mas os animais apenas possuem a inteligência da vida material; no homem, a inteligência proporciona a vida moral.”

Mensagem de encerramento

Filhos e filhas,

Atenção: o Cristo espera a decisão íntima e profunda de cada habitante da Terra. Não existe imposição do Alto para que você ame. O Cristo irá amparar e salvar, literalmente como quem salva alguém de um incêndio, todos aqueles que quiserem com sinceridade vincular-se ao seu coração. Não existe privilégio, existe o socorro de quem suplica com verdadeira humildade. Não existem privilegiados, existem os que buscam com todas as forças de seus corações. Vivemos momento tão difícil, de tanta confusão emocional, de tanto debate intelectual feito para perturbar vocês. É preciso uma decisão muito simples: “não me interessa polêmicas vazias e malucas, prefiro sintonizar com o Cristo e o Cristo está apresentado nas obras de Allan Kardec; vou ler, vou pensar, vou orar, vou meditar para que eu seja um discípulo do Cristo, não de outros humanos tão perdidos e confusos como eu, não de outros espíritos mais vaidosos e ignorantes e estúpidos que eu, não de falsos profetas hábeis em palavras e em gestos, mas nunca capazes de verdadeiramente sacrificar suas paixões inferiores”. 

Filhos, o Cristo ama a todos, mas só irá socorrer – porque essa é a lei – aqueles que abrirem os seus corações. Por isso o Mestre insiste em ensinar a todos “é preciso bater para a porta abrir; é preciso falar, é preciso pedir, é preciso orar com todas as forças da alma”. É preciso pedir diariamente “Mestre, fica comigo mais um dia, protege-me, suaviza as minhas paixões inferiores hoje, socorre-me de mim mesmo, não quero condenar ninguém, quero apenas suplicar o teu amparo ao meu coração ainda doente”. Não nos cabe nada destruir porque um fogo purificador está muito perto da Terra, mas é preciso que nós nos preservemos elevando a nossa sintonia. Isso é o que o Cristo quer dizer quando diz “no momento das provações vai para as montanhas”. O que é isso, filho? É a mesma coisa que ele fez no monte Tabor: eleva-te, eleva-te, busca o Mais Alto, busca as esferas superiores da vida, busca sintonia profunda com o Mestre, com ele, porque ele é o caminho, a verdade e a vida. 

Um alerta a todos: jamais fazemos campanhas de calúnias, nosso trabalho é alertar, é dizer: este caminho é falso, aquele caminho tem armadilhas, esta apresentação do Espiritismo é traiçoeira, e isso é nosso dever que realizamos em nome do Cristo. Por isso também dizemos: não queremos polêmicas, queremos alertar apenas aos corações que querem vincular-se ao Mestre para que os indivíduos tenham uma chance de escolher. Vão ficar com quem? Com a fama do mundo? Em busca da aprovação de uma sociedade podre? Ou vão enfrentar a solidão dos verdadeiros cristãos que no meio da dor irão receber a visita do Mestre? Porque queremos, filhos, sim, que vocês se desvinculem de toda a porcaria do mundo, mesmo que tenha o nome de “espírita”. Afastem-se de tudo isso. Afastem-se de briga de poder. Afastem-se de vaidades de palco e busquem o Cristo. Busquem conectar-se com ele. Busque sentir as tuas dores e pedir que a mão dele toque em ti e te cure. 

E uma vez começado isso – porque não é um dia de magiquinha, é todo dia – vocês [se] sentirão impulsionados a socorrer também os que sofrem igual vocês e vocês estarão no caminho do Cristo. E a tempestade não te derrubará, porque estarás não numa base falsa de institucionalismo espírita, de confusãozinha mesquinha, não. A tua base será o próprio Cristo. Tu estarás te vinculando a ordem do universo. E mesmo que tu sofra e tu chore, tu estarás te tornando iluminado, filho. É isso que queremos para ti. Te afasta de toda essa estupidez e busca ler Kardec com a tua mente voltada para o Mestre. E a cada dia um pouco, e a cada oração uma conquista, e tu estarás no caminho da verdadeira paz, mesmo que a tormenta esteja ao teu redor, tu sentirás uma paz indescritível, porque tu ouvirá a voz do Mestre de Nazaré dizendo “acalma-te, eu estou ao teu lado, segue em minha direção, porque eu quero te conduzir ao Reino do meu Pai”. 

Paz a todos,
Do amigo espiritual de sempre.

Outros Programas

Categories: Nova Geração

O que você achou?