Curso
0% Completo
0/164 Passos

Codificação espírita




O Livro dos espíritos

Prolegômenos. Editora Celd. Tradução de Maria Lucia Alcantara de Carvalho

Alllan-kardec-rosto-1

Prolegômenos

 

Orientação espiritual dada a Allan Kardec

 

Aqui estão os termos nos quais deram, por escrito e por intermédio de vários médiuns, a missão de escrever este livro:
“Ocupa-te, com zelo e perseverança, do trabalho que empreendeste com nosso concurso, pois este trabalho é nosso. Nele assentamos as bases do novo edifício que se eleva e deve, um dia, reunir todos os homens num mesmo sentimento de amor e de caridade; mas, antes de divulgá-lo, nós o reveremos juntos, a fim de lhe examinarmos todos os detalhes.
Estaremos contigo todas as vezes que o pedires e para te ajudar em teus outros trabalhos, pois esta é apenas uma parte da missão que te está confiada e que já te foi revelada por um de nós.
Dentre os ensinos que te são dados, há alguns que deves guardar unicamente para ti até nova ordem; nós te indicaremos, quando chegar o momento de publicá-los; enquanto isso, medita sobre eles, a fim de estares pronto, quando o dissermos a ti.
Colocarás no cabeçalho do livro a cepa que te desenhamos,
porque ela é o emblema do trabalho do Criador; todos os princípios materiais que podem melhor representar o corpo e o espírito aí se encontram reunidos: o corpo é a cepa; o espírito é o licor; a alma ou espírito unido à matéria, é o bago. O homem quintessencia o espírito através do trabalho, e tu sabes que somente pelo trabalho do corpo é
que o espírito adquire conhecimentos.Não te deixes desencorajar pela crítica. Encontrarás contraditores encarniçados, principalmente entre as pessoas interessadas nos abusos. Tu os encontrarás mesmo entre os espíritos, pois aqueles que não estão completamente desmaterializados procuram, frequentemente, semear a dúvida por malícia ou por ignorância; porém, continua sempre; crê em Deus e caminha com confiança: aqui estaremos para apoiar-te e o tempo em que a verdade brilhará por toda a parte está próximo.
A vaidade de certos homens que julgam saber tudo e querem tudo explicar à sua maneira fará nascer opiniões dissidentes; mas, todos aqueles que tiverem em vista o grande princípio de Jesus unir-se-ão no mesmo sentimento de amor ao bem e ligar-se-ão por um laço fraterno que abarcará o mundo inteiro; eles deixarão de lado as miseráveis disputas de palavras, para se ocuparem apenas com as coisas essenciais, e a doutrina será sempre a mesma, quanto ao fundo, para todos aqueles que receberem as comunicações dos espíritos superiores.
É com a perseverança que chegarás a colher o fruto de teus
trabalhos. O prazer que experimentarás, vendo a doutrina se propagar e bem compreendida, ser-te-á uma recompensa, cujo valor completo conhecerás, talvez mais no futuro do que no presente. Não te inquietes, portanto, com espinheiros e pedras que incrédulos ou maus semearão no teu caminho; conserva a confiança: com ela chegarás ao objetivo e merecerás ser sempre auxiliado.
Lembra-te de que os Bons espíritos só assistem aqueles que servem a Deus com humildade e desinteresse e que repudiam quem quer que busque no caminho do Céu um degrau para as coisas da Terra; afastam-se do orgulhoso e do ambicioso. O orgulho e a ambição serão sempre uma barreira entre o homem e Deus; são um véu lançado sobre as claridades celestes, e Deus não pode se servir do cego para fazer compreender a luz.”


SÃO JOÃO EVANGELISTA, SANTO AGOSTINHO, SÃO VICENTE DE PAULO, SÃO LUÍS, O ESPÍRITO DE VERDADE, SÓCRATES, PLATÃO, FÉNELON, FRANKLIN, SWEDENBORG, ETC., ETC.,

 

É importante destacar a importância dos símbolos para os Espíritos superiores. Como o Cristo eles se utilizam da linguagem simbólica para ensinar grandes verdades.