RESUMO

Amigos e amigas,

Nesse encontro não gravamos a primeira parte, segue o diálogo com nossa orinentadora espiritual. Para ampliar as reflexões sobre o tema, sugerimos o livro Vida e Sexo de Emmanuel, psicografica de Francisco Candido Xavier.


Baixar 1     Baixar 2


Agradecemos a sua presença, amiga Patrícia, nesse nosso encontro.

1ª Pergunta – Como primeira pergunta, como é entendida a sexualidade pelos anjos guardiões?

Resposta

Como compreendeis, minha filha, por definição, os anjos guardiões, segundo ensinam os espíritos a Allan Kardec, são sempre espíritos de uma ordem superior. Para os espíritos superiores a sexualidade é a força do amor expressa nas suas mais variadas áreas. Para nós, quando se fala sexualidade, entendemos energia amorosa, a energia que consola, a energia que ampara e também a energia que cria, que cuida, que zela, que cria os filhos, mas também que produz obras artísticas. Toda essa ampla gama de realizações tem como foco único a energia do amor ou a energia da sexualidade.

2ª Pergunta – O anjo guardião é responsável pela educação sexual de seu protegido?

Resposta

Com toda certeza. No sentido de que ele preocupa-se de forma atenta e continuada com a capacidade de amor de seu protegido. Para seres grosseiros encarnados, a visão da sexualidade se restringe ao contato sexual que, nos dias de hoje, enlouquece a criatura humana.

Para os indivíduos lúcidos o contato sexual é apenas uma das pequenas formas existentes de se expressar a energia do amor.

Para seres que desequilibraram-se nessa área torna-se verdadeiramente difícil compreender que a energia do sexo está presente em todas as relações humanas saudáveis e também está presente em todas as relações em que adoeceram pelos indivíduos não saberem direcionar essas energias.

Para a criatura limitada o departamento ou setor do sexo físico é completamente diferenciado da produção intelectual ou da amizade sincera. Para os seres lúcidos, o ato sexual e tão belo e nobre quanto uma relação afetuosa entre amigos, entre pai e filho, entre um indivíduo e uma obra artística, pois, em todos esses fenômenos está envolta a energia do amor, a energia da sexualidade. Sendo assim, cabe ao anjo guardião cuidar de seu protegido, auxiliando e orientando, para que ele saiba utilizar essa energia que possui, minha amiga, origem divina.

O ser, por si só, não teria essa energia. A energia da essência do sexo, a energia da essência do amor vem sempre de Deus. Daí, o Cristo poder afirmar que sem o Pai nada podemos; daí, o Cristo poder ensinar que é através do direcionamento dessas energias que construímos a nossa felicidade. Por exemplo, como consta no Evangelho, no Novo Testamento, quando Cristo alerta: se olha para o outro cobiçando-o, em teu coração cometeste adultério. O que ele quer dizer? Se você olha para o outro, vendo no outro filho de Deus simplesmente um objeto de prazer, um objeto de uso, você errou, porque você está reduzindo a beleza da obra do Pai, você está propondo uma relação de uso e de infelicidade. Por isso diz o Cristo: tu já adulteraste em teu coração. Mas a adulteração que ele fala é mais profunda, é a adulteração das energias da sexualidade, do amor que Deus te concedeu.

Podemos concluir essa resposta dizendo: a energia do amor é de origem divina e cabe ao ser em aprendizado manipulá-la para que um dia aprenda a expressá-la em toda sua plenitude.

3ª Pergunta: Essa educação das energias sexuais se dá apenas no plano espiritual ou também durante a encarnação do protegido?

Resposta

Saber, minha filha, utilizar a energia que Deus nos concede é um dos maiores desafios do espírito, onde quer que ele esteja. Não foi assim que Jesus o fez? Jesus utilizou as poderosas energias que recebe diretamente de Deus em seu coração para curar, para consolar, para repreender, para mostrar a paz e a sua luz ao mundo. Todas essas energias são energias sexuais, são energias do amor, são energias vinda do Pai.

Consequentemente, em todos os lugares em que o espírito esteja, ele estará recebendo de Deus as energias da sexualidade e estará sendo responsável pelos direcionamentos que realiza com ela. São energias poderosas. É importante se dar conta que Deus é o Criador. As energias sexuais são energias criadoras. Com isso podemos falar sem chocar os corações mais sensíveis em relação a esse tema: a energia, o poder da criação é dado sempre pelo Criador à criatura e a criatura realiza sua obra específica. Essa energia é a energia sexual sem sombra de dúvida.

4ª Pergunta: Como se dá essa educação sexual do protegido?

Resposta

Ensinando a amar, ensinando a entrar em comunhão íntima com Deus e com todos os seres. Para as mentes puritanas isso poderá causar espanto, mas a grande ascensão espiritual e mística é desenvolver a capacidade de se relacionar sexualmente com todo o universo.

Esse é o aprendizado dos grandes iniciados, isso o Cristo fez. Ninguém chegava perto do Mestre, ninguém pensa no Mestre com sinceridade, que não receba suas energias amorosas.

Assim ensinou também o príncipe Sidarta, pois o conceito de compaixão é exatamente esse: amar a todos, realizar uma troca energética profunda com todos os seres. Mas essa tradição é muito mais antiga, embora tenhamos como expressão máxima, na Terra, a vida de Jesus de Nazaré.

5ª Pergunta Qual a finalidade de se educar as energias sexuais?

Resposta

Capacitar o espírito para se relacionar com bilhões de seres de forma amorosa e nutridora.

6ª Pergunta: Que práticas atuais são prejudiciais à vivência sexual saudável?

Resposta

Podemos dizer, minha filha, comparativamente falando, que os indivíduos hoje parecem com pessoas que recebem o alimento saboroso, nutridor, saudável. Pegam esse alimento, realizam processos para que ele se torne podre e depois o consomem.

Assim faz a maioria das criaturas da Terra em relação as energias da sexualidade que vem do Criador. Elas as pervertem, as distorcem para depois consumi-las. Temos hoje, minha amiga, uma multidão que se conta os milhões de indivíduos que apenas sentem prazer ao consumir energias sexuais apodrecidas, enfermizadas, profundamente perturbadoras.

É necessário que o indivíduo aprenda intimamente a cultivar a preservação da pureza das energias dadas por Deus para que ele se torne capaz de ter um prazer supremo em conectar-se com todas as criaturas de forma continuada, poderosa, nutridora, em forma de amor verdadeiro.

7ª Pergunta: O anjo guardião pode interferir nesses casos, se o seu protegido estiver envolvido em atitudes sexuais prejudiciais? Se sim, como ele pode interferir?

Resposta

O capítulo da intervenção direta e objetiva do anjo guardião requer muito estudo para que possa ser efetivamente compreendido, porque a ascendência desse espírito nobre em relação a seu protegido também é uma conquista de seu protegido.

Se esse se caracteriza pela humildade e pela sinceridade, mesmo errando, ele permitirá energeticamente uma ação mais poderosa de seu guia espiritual. Se este se fecha na revolta ,que muitas vezes é milenar, se deseja manter os seus vícios e prazeres apodrecidos, o anjo guardião terá menos espaço de intervenção.

Não podemos dar uma regra absoluta, podemos dizer que essas energias, a medida em que se acumulam ao longo dos dias, dos meses e dos anos, vão bloqueando a comunicação do indivíduo com o seu anjo da guarda. E será necessário um apelo sincero desse indivíduo para que sejam realizadas verdadeiras cirurgias espirituais para tirar, podemos dizer simbolicamente, toneladas de detritos que envolvem os indivíduos desequilibrados para que o seu anjo guardião possa agir de forma direta.

Essas providências sempre podem ser tomadas quando se vê a sinceridade do indivíduo em regenerar-se.

8ª Pergunta: Se percebemos em nós mesmos atitudes sexuais desequilibradas, como podemos pedir socorro ao nosso anjo guardião?

Resposta

Acima de tudo, posicionando-se com plena sinceridade íntima. Dirigindo um apelo sincero: meu anjo guardião, eu estou com tal desejo, eu estou sentindo tais impulsos, ajuda-me.

No futuro, quando os indivíduos forem capazes de praticar a doutrina ensinada por Allan Kardec, eles inclusive poderão conversar diretamente com seus anjos guardiões colocando a questão com a honestidade cristã que ela requer: meu anjo guardião, sinto tal distúrbio, sinto tal problema, toda vez sou invadido por impulsos sexuais que me desequilibram, como fazer? E o anjo guardião poderá dar receitas e orientações precisas para cada um de seus protegidos.

E nós, que coordenamos esse módulo, em nome dos anjos guardiões, poderemos, no futuro, em programas específicos, traçar roteiros e tirar dúvidas sobre como superar bloqueios e barreiras que dificultam que estas energias percorram todo o corpo de forma saudável e equilibrada.

9ª Pergunta: Como utilizar as energias sexuais de forma equilibrada?

Resposta

Desenvolvendo o amor. Quando olhais uma flor, quando vedes pássaro e vos permitis que vosso coração sinta carinho, sinta beleza, estais educando as nossas energias sexuais.

Quando contemplais as estrelas, quando ledes uma página que eleva os vossos sentimentos estais educando as nossas energias sexuais.

Educar a sexualidade, minha cara amiga, é simplesmente relacionar-se com a vida de uma forma elevada e bonita.

Quando desenvolveis amizade sincera, quando desenvolveis amor por um animal, estais educando as vossas energias sexuais e, acima de tudo, quando desenvolveis uma relação de profunda confiança com o vosso anjo guardião ele ajuda poderosamente que essa troca energética equilibre todas as energias da sexualidade.

Quando buscais ao Mestre com humildade, como fez Madalena aos seus pés, estais poderosamente educando as vossas energias sexuais. Assumindo as vossas necessidades, pedindo ajuda de forma clara, objetiva e honesta, mostrando humildade sincera, apelando ao amparo desse amigo estarei poderosamente agindo em prol da vossa educação sexual.

Conclusão: Agradecemos a sua presença e deixamos o espaço para a mensagem de encerramento.

Mensagem de encerramento

A delicadeza desse tema que foi proposto requer de nós que caminhemos passo a passo.
Assumimos o compromisso convosco de, a cada ano, aprofundar essa questão, respondendo perguntas que nos sejam enviadas com muita antecedência, dialogando e esclarecendo.

É um dos temas mais delicados da Terra, porque a grande falange das trevas, já há algumas décadas, atua de forma obsessiva confundindo as mentes e apodrecendo milhares de corações invigilantes no que se refere a vivência da sexualidade em seu sentido restrito, no sentido e no aspecto do intercâmbio físico.

Mas é preciso, meus filhos e minhas filhas, entender o prazer que Deus deseja que sintais é também o sexual no sentido físico, mas existem milhares de outros prazeres mais sutis, mais comovedores e mais belos e duradouros.

Um não anula o outro, mas o excesso de um impedirá a fruição dos outros, pois na natureza tudo requer um profundo equilíbrio. Viver a sexualidade de forma equilibrada não é negar-se o prazer, mas, acima de tudo, preparar-se para viver prazeres muito mais sublimes e maiores que se ampliarão a cada passo que você investir em seu próprio equilíbrio espiritual.

Muita paz, da vossa irmã e amiga, Patrícia.

One thought on “Educação Espírita: um Convite à Juventude – 08 – Anjo da Guarda e Sexualidade

  1. Senti a falta da sua preleção que é sempre muito esclarecedora !!! O tema é extremamente pertinente e importante. Vivemos numa sociedade sexualizada onde prazer carnal e felicidade se misturam, deturpando valores mais nobres. Precisamos refletir muito a respeito e mudarmos o nosso jeito limitado de definição de sexo… Sexo não é apenas relação física, é também amor fraternal, troca de energias e muito mais !!!! Os grandes médiuns são exemplos da conversão da energia sexual em amor ao próximo !!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s