Nova Geração 255 – O mal que faz bem

Livro dos Espíritos 
Segunda Parte 
Capítulo IX Intervenção dos Espíritos no Mundo Corporal


1. Penetração dos espíritos no nosso pensamento.


2. Influência oculta dos espíritos nos nossos pensamentos e nas nossas ações.


3. Possessos.


4. Convulsionários.


5. Afeição dos espíritos por certas pessoas.


6. Anjos guardiães, espíritos protetores, familiares ou simpáticos.


7. Pressentimento.


8. Influência dos espíritos nos acontecimentos da vida.


9. Ação dos espíritos nos fenômenos da Natureza.


10. Os espíritos durante os combates.


Perguntas do capítulo 459 a 557




487. Qual a natureza do mal que faz os espíritos mais se afligirem por nós? O mal físico ou o mal moral?

“Vosso egoísmo e vossa dureza de coração: tudo deriva daí; eles se riem de todos os males imaginários que nascem do orgulho e da ambição; regozijam-se, com os que têm por efeito abreviar vosso tempo de provação.”

Sabendo que a vida corporal é transitória e que as tribulações que a acompanham são meios de alcançar um estado melhor, os espíritos se afligem mais pelos nossos males morais, que nos afastam deles, do que pelos males físicos que são passageiros.

Os espíritos pouco se incomodam com as desgraças que atingem apenas nossas ideias mundanas, como fazemos com as mágoas pueris das crianças.

O espírito que vê nas aflições da vida um meio de progresso para nós, considera-as como a crise momentânea que deve salvar o doente. Compadece-se dos nossos sofrimentos como nos compadecemos dos de um amigo; porém, vendo as coisas de um ponto de vista mais justo, ele os aprecia de maneira diversa da nossa e, enquanto os bons reerguem nossa coragem, no interesse do nosso futuro, os outros nos levam ao desespero, visando comprometê-lo.

Categories: Nova Geração

O que você achou?