Nova Geração Atualidade 8 – Cristo e os donos do mundo

Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo. Se o meu reino fosse deste mundo, os meus servidores teriam combatido para que {eu} não fosse entregue aos judeus. Agora, porém, o meu reino não é daqui. 

João 18:36

Diálogo mediúnico

Que o Cristo nos ajude nesse instante em que precisamos, sim, de reflexões ponderadas, sérias e profundas. Porque, meus filhos, chegou a hora inclusive da divisão dentro do movimento do Consolador, porque como Kardec, ensinou: há os falsos espíritas e os espíritas imperfeitos, precisarão decidir-se. Porque, como consta no Apocalipse, haverá a marcação dos servos fiéis para que os falsos, que até hoje ocuparam os lugares de destaque, sejam expulsos pelo método necessário.

Podemos começar, minha filha.

Muito obrigada pela sua presença hoje. A nossa pergunta é: como os acontecimentos atuais poderão alterar o comportamento não cristão das pessoas? (Pergunta elaborada a partir da pergunta de Margarida Saraiva)

É preciso entender que o comportamento anticristão sempre foi a marca deste mundo. Pessoas querem ficar apavoradas: o Apocalipse diz isso, diz aquilo. Ora, o Apocalipse narra a história de um período importante da humanidade, e toda essa história foi uma história anticristã, foi uma história de combate acirrado aos verdadeiros discípulos do Cordeiro.

Ninguém, ninguém, que vocês pegarem para estudar a história espiritual e que seja verdadeiro cristão, vai estar ausente de amargos, amaríssimos testemunhos. E vocês querem se tornar cristãos sentados em poltrona confortável? Não iludam-se mais.

A história cristã no mundo é uma história de sacrifício. Por que? Porque nesse mundo quem manda, quem tem o poder, são os príncipes das trevas. Como alterará? Com muita dor! Como sempre foi. Como sempre foi. Fiquemos com a confiança de que o Cristo nos amparará na hora do testemunho. Não pode ser cristão sem testemunho.

A Terra irá melhorar por quê? Porque muitos de vocês vão criar coragem e vão se candidatar ao testemunho. Vão morrer, se preciso, para servir aos seus irmãos. Não vão ficar em casa trancado com medo, vão dizer: os meus irmãos sofrem, os meus irmãos passam fome, crianças estão desabrigadas, tenho que ir lá servir em nome do Cristo! E se eu morrer será para a glória do Senhor.

Espíritas falsos achavam que isso era coisa do passado, porque não conheceram ou não quiseram conhecer ou hipocritamente não querem entender a vida de Eurípedes.

A Nova Geração não vai ter medo da morte, e os servos fiéis não temem a morte. Por que vocês estão trancados enquanto seus irmãos sofrem? Isto é cristianismo? De onde?

Filhos o Cristo disse: onde houver dois ou mais em meu nome ali eu estarei. Sabe por quê? Porque onde houver dois ou mais discípulos do Mestre eles estarão sobre ameaça das trevas! Mas o Cristo, o Cordeiro, estará lá para protegê-los! E vocês estão com medo.

Tem que transformar, minha amiga que perguntou, primeiramente, os que se dizem cristãos. Não pensemos que aqueles que se lambuzam nos prazeres inferiores vão estar preocupados a não ser em manter seus prazeres. Mas o momento é de decisão para vocês que amam o Cristo.

Esse amor vai se congelar ou esse amor vai se acender como um fogo eterno que irá iluminar todo o teu ser? Quem precisa, amiga, se transformar hoje, são aqueles que se dizem cristãos, que fazem o “sacrifício” de ficar confortavelmente enquanto os outros agonizam.

Não podemos negar qual é a ordem do Cordeiro: servir até o fim.

Não podemos desprezar o exemplo proposital dado por Eurípedes Barsanulfo.

Fugir do combate quando convocado é ato de covardia. Espíritas, em nome do Cristo, mobilizem-se para fazer alguma coisa. Levar água magnetizada para quem sofre, leva teu otimismo, leva tua coragem, leva o teu amor, porque, se ele for pouco, o Cristo o multiplicará e você será o primeiro a sentir.

Precisamos de um exército que não teme a morte. Faz uma prece e te entrega a Deus. Ah, mas se eu morrer? Triste pensamento, porque o que seria do cristianismo se aqueles que saíssem de casa para falar do Evangelho pensassem assim? Não existiria mais cristianismo. O que tu dirás a eles? O que tu dirás a teu anjo guardião que morreu na arena para testemunhar o amor do Cristo? O que tu dirás aos Espíritos que disseram: prefiro morrer queimado do que dizer que não sou cristão? Que ficastes em casa porque alguém te mandou…

Nós não tememos o império romano. Por que vocês temem o império romano atual? São os mesmos e nunca tiveram poder sobre os cristãos. Mataram-nos e nós nos alegramos.

Espíritas, quem são vocês que recusam o cálice da redenção? Quem são vocês? manipuláveis pelos medos da matéria. Ignorais que sois espírito? Ignorais que Deus tem tudo marcado? Ignorais que acima de todas as leis existe a Lei do amor que solicita o sacrifício extremo dos servidores do Cordeiro?

Vos asseguro, nenhum de vocês se tornará digno do Cordeiro se não tiver uma vida de extremo sacrifício em nome do amor que alivia, que consola e que ampara.

Está começado o nosso estudo do Apocalipse. Seremos nós, com a autorização do Mais Alto, que poderemos falar desse assunto para vocês.

Que vocês fiquem em paz,

Do amigo espiritual de sempre.


Envie suas perguntas para nosso e-mail: contatogrupomarcos@gmail.com

Obrigado por sua participação! Ela é valiosa.

O que você achou?