Nova geração 273 – Entender o Pressentimento

Livro dos Espíritos

523. Os pressentimentos e a voz do instinto sempre têm qualquer coisa de vago; na incerteza, o que devemos fazer?

“Quando estiveres na dúvida, invoca teu bom espírito ou ora a Deus, Senhor de todos nós, que ele te enviará um de seus mensageiros, um de nós.”



Mensagem de encerramento

Filhos e filhas tão queridos aos nossos corações! 

Vamos mais uma vez falar o óbvio, mas é um óbvio tão lindo, maravilhoso, que nos dá alegria de repetir: vocês são filhos de Deus! 

Deus ama infinitamente a cada um de vocês. Jamais o Pai amoroso deixaria uma de suas criaturas perdida, abandonada, sem destino, sem rumo. Jamais!

Filhos, toda a vez que vocês estiverem perdidos, entendam – está faltando vocês quererem ver. É só isto! Não sei o que fazer? Eu não estou querendo ver! É só isto que vocês precisam…. Vocês não entendem, humanidade não quer entende, mas vejam que coisa extraordinária: Jesus cura cegos! Ah… O que isto tem haver com pressentimento, voz do instinto, tudo? A mesma coisa! Basta querer entender! Cego chegava e Jesus indagava: o que quer? Quero ver. E ele começava a ver.

Dá para entender isto? Para que vocês vejam, basta vocês quererem de verdade. Deus não abandona ninguém! Pare com esta tolice! Ah… Não posso entender a minha provação? Quem sou eu?…. Filho de Deus! Filho de Deus. 

Ah… Mas será que Deus vai enviar espíritos da codificação para me ajudar? Vai! Os espíritos não disseram isto porque não tinham o que escrever. Mas, porque todos vocês que se vincularem ao Consolador terão conosco uma família única.

Não interessa o grau evolutivo, interessa a disposição! Jesus nunca disse: ah… Isto daqui é só para grau evolutivo tal… Não! É para os que querem, é para os que buscam.

O critério hoje é disposição intima! Para participar da família do Consolador não interessa se você está no nível de espírito A, B ou C. Em que ponto está na escala espírita… O que interessa é que exista uma sinceridade verdadeira.

Então não venha com esta: ah… sou muito atrasado… Claro que é, está na Terra. Mas você também é muito filho de Deus. Faça isto, filho, repita toda a vez que disser: sou muito atrasado, aceite, pois é verdade. Mas também diga: sou muito filho de Deus!

E um dia vai entender que é mais filho de Deus do que atrasado. E ai você vai começar a ver que mesmo para os espíritos inferiores, Deus reserva muita beleza! Muita orientação, muito carinho, afeto, amor.

É isto que necessita entender, existe, sim, possibilidade real de você ter orientação de espíritos muito evoluídos. Basta buscar! 

Ah… Quero estudar tal assunto da Codificação com muita seriedade… Garanto-lhe que se você toda a vez que fizer uma prece e pedir, os espíritos da codificação ligados a este assunto vão de uma forma ou outra lhe socorrer.

É trabalho deles, como vocês dizem: eles ganham para isto. É a função, eles fazem com devoção, carinho, amor e tem um salário extraordinário que se chama: fazer a vontade de Deus!

Porque esta é a paga que nós buscamos sempre! Porque isto dá uma alegria que vocês não suspeitam. Portanto, vamos ter lucidez. Todos são filhos de Deus! Ninguém está desamparado!

Não precisa de besteira, necessita querer! Ter garra! Ter devoção! E nunca faltara bons espíritos para lhe socorrer todos os dias. Sabe por que, filhos? Pois todo o dia é um dia de Deus. Todo o dia é dia divino.

Você está dentro de uma obra divina, então o normal é que todo o dia a luz divina esteja com você e os mensageiros Dele, como foram ditos.

Não se assuste, busque a Deus todo o dia! E permite que os mensageiros do Criador toquem em seu coração. 

É isto, filhos queridos. 

Paz,

Do amigo espiritual de sempre!


                        Livro dos Espíritos 
                          Segunda Parte 
Capítulo IX Intervenção dos Espíritos no Mundo Corporal
                                 -
1. Penetração dos espíritos no nosso pensamento.
2. Influência oculta dos espíritos nos nossos pensamentos e nas nossas ações.
3. Possessos.
4. Convulsionários.
5. Afeição dos espíritos por certas pessoas.
6.Anjos guardiães, espíritos protetores, familiares ou simpáticos.
7. Pressentimento.
8. Influência dos espíritos nos acontecimentos da vida.
9. Ação dos espíritos nos fenômenos da Natureza.
10. Os espíritos durante os combates.
             
                 Perguntas do capítulo 459 a 557
Categories: Nova Geração

O que você achou?