Os pontos magnéticos centrais dos seres humanos e autoconhecimento

O principal conceito que trabalhamos é que os pontos magnéticos centrais – chacras – são, na verdade, expressões de nossas dimensões espirituais. Eles expressam as principais características de nosso ser e, ao mesmo tempo, as dimensões principais a serem educadas e desenvolvidas. Em síntese, os chacras apresentam como estamos e quem somos.

 

Baixar áudio opção 1          Baixar áudio opção 2 


Texto

Baixar Texto opção 1     Baixar Texto opção 2 

Educação Espírita: um Convite à Juventude- Magnetismo – Encontro 7

Os pontos magnéticos centrais dos seres humanos

 

 

 

Resumo

 

O principal conceito que trabalhamos é que os pontos magnéticos centrais – chacras – são, na verdade, expressões de nossas dimensões espirituais. Eles expressam as principais características de nosso ser e, ao mesmo tempo, as dimensões principais a serem educadas e desenvolvidas. Em síntese, os chacras apresentam como estamos e quem somos.

Vamos aos sete principais

 Coronário

Ligação com Deus, com o Cristo e com as esferas superiores da vida. Por meio dele os amigos espirituais veem como está nossa dimensão que se relaciona com a essência da vida.

Frontal

Ponto magnético da percepção. Como percebemos a vida? A mim e aos outros? A percepção é consciente e inconsciente como provam os mitos do paraíso Perdido segundo Emmanuel no livro A Caminho da Luz.

É simbolizado no hinduísmo e  outras culturas como o terceiro olho. Jesus se refere a ele no Evangelho ao falar que o olho é a luz do ser.

Laríngeo

É o ponto magnético da vontade, da criatividade. Por isso, a voz revela muito, ela revela nossa vontade ou nossa fraqueza. Léon Denis nos ensinará a importância de um vontade poderosa para o crescimento espiritual e criticará o cristianismo tradicional que fizeram o ser humano perder sua virilidade.

Emmanuel, em O Evangelho Segundo o Espiritismo, destaca que é o momento da humanidade vestir sua toga viral.

Cardíaco

É o ponto da emoção que deve ser educado no dia a dia e com metas a longo prazo. Neles deságuam as energias elevadas e equilibradas ou a desarmonia do pontos magnéticos superiores.

Ele é determinando nos pontos magnético que estão abaixo que determinação os comportamentos da alimentação, da vitalidade, da sexualidade.

Gástrico

Vinculado a alimentação. Como nos alimentamos? Emmanuel afirma que morre-se mais pelo excesso de comida do que por falta. Essa revelação deve nos fazer pensar atentamente tanto quanto a quantidade e a qualidade.

Esplênico

 Distribuição das energias, circulação. Relaciona-se com o assimilar as dores e as experiências, acolher e purificar as impurezas emocionais, transformando-as. Esse ponto mostra como lidamos com o que nos é desagradável e com nossa sombra – tudo o que temos dificuldade em aceitar.

Genésico

É ponto que bem trabalhado nos conduz a superação do excesso de sentimento de solidão. Ele gera as energias que ligação emocional com os outros seres humanos – encarnados e desencarnados.

 

Diálogo Mediúnico

Que a paz do Cristo penetre os nossos corações iluminando todo o nosso ser para que possamos, com os seus ensinos, transformamos a nós mesmos, utilizarmos os recursos que o Pai nos deu e nos tornarmos amigos de evolução desse Mestre, que nos amou, nos ama e sempre nos amará e nunca, em nenhuma hipótese, nos abandonará jamais.

Podemos iniciar.

1ª pergunta: Quero agradecer sua presença nesse encontro com muita alegria. Como primeira pergunta: como o estudo dos pontos magnéticos centrais pode ajudar na nossa evolução espiritual?

 

Primeiro, entender uma coisa muito importante: que o que você é está expresso nos pontos magnéticos do seu corpo espiritual.

Isso parece pouco, isso parece quase nada, mas é o mais importante, porque leva ao espírito vaidoso da Terra a pensar: bem, já que não dá para esconder, melhor educar… Ah, isso não vai passar despercebido por ninguém no mundo espiritual… Ah, os espíritos superiores já estão vendo como eu sou. Isso é muito importante porque alimenta, fomenta uma atitude de verdadeira honestidade. De entender que não é:ah, vou fazer uma precezinha aqui de fingimento e tudo se resolverá, porque assim querem muitos. Ah, basta dizer: desculpa, meu Deus, e pronto. Não se trata disso.

Se trata de você investir o seu esforço, o seu tempo para se desenvolver espiritualmente ou não. Porque, muitas vezes, observamos que espíritas querem tratar espíritos bons como se fossem santos medievais que vêm salvar de qualquer jeito. Ficam dizendo: ah, Bezerra de Menezes, vem me salvar! Esse amigo venerável ajuda, mas ele não vai alterar seus pontos magnéticos centrais, ele não pode! É lei de Deus!

Ele não pode chegar e dizer: ah, vou tocar aqui na sua cabeça e agora você vai se expandir. Isso é proibido! Isso seria violentar as leis do Criador.

Você não pode chegar e dizer: ah, agora toca aqui que eu quero ter uma vontade poderosa, é impossível! Impossível! Para ter uma vontade poderosa você tem que treinar toda hora, todos os dias, a cada instante. Esse amigo pode ajudar, incentivar, insuflar, mas nunca ele poderá lhe dar isso. Então, isso é a compreensão central que nós pedimos que vocês prestem atenção.

É um processo de milênios de desenvolvimento e que vocês, hoje, com o conhecimento espírita podem potencializar, pode desenvolver numa encarnação muito mais do que muitos, muitos séculos passados. Por quê? Porque vocês podem e devem agir com conhecimento de causa.

O que nós estamos apresentando a vocês é uma possibilidade evolutiva muito valiosa, que nunca vocês tiveram acesso no passado com exceção dos grandes iniciados.

Sete dimensões a serem tratadas e cuidadas. Eu sei que é muito para a mente de vocês, mas nós apresentamos o quadro geral, depois nós trabalharemos número ainda menor, mas vocês têm que entender isso, esse desenvolvimento só com esforço próprio.

Alguns pensam: ah, colônia evoluída é proibida entrada, isso é simbólico. Se você pega espírito atrasado, nós fazemos experimentos também, levamos para uma colônia evoluída, sabe o que acontece, filha? Ele não enxerga quase nada. Ah, mas ele fica cego? Não. Porque o chakra frontal dele não percebe as energias daquela colônia, não percebe a maioria das coisas. Estranho, né, pensar assim? Mas é assim que é a verdade.

Por isso, Cristo fala tanto da percepção. Então ele não vai, não pense que é: ah, vou para uma colônia superior, estou falando de colônias muito desenvolvidas, como quem diz: ah, vou sair de uma cidade atrasada e vou para uma cidade mais bonita. Não é. Lá se requer um outro nível de percepção. Então ele não vai perceber muita coisa. Imagine uma pessoa viver em que ela percebe uma coisa e outras não. Que confusão mental! A pessoa está andando e esbarra em algo que para ela é invisível, mas para nós é uma obra de arte. Como viver numa cidade dessa? E isso acontece, eu já acompanhei isso.

Entende, filha? Então, não é só querer, não é: ah, me leve para lá. Você não vai conseguir viver lá, porque as expressões mais sutis você sequer vai ver. Vai estar todo mundo encantado com a harmonia e você vai dizer: mas eu não estou ouvindo nada, não ouço nada! As pessoas vão estar falando de cores que você nem sabe que existe, não percebe.

Fundamental entender: o que você é se expressa nesses pontos, e dois: esses pontos só se desenvolvem com uma vontade íntima. Nós podemos ajudar, instruir, estimular e até potencializar, isso Deus permite sim, em casos que precisam disso. Não há problema. Mais do que isso é impossível.

Vou dizer claramente: isso serve para vocês deixarem de ser padres e religiosos medievais, ignorantes e atrasados, e se tornarem cristãos primitivos verdadeiros que sabem o esforço individual e indispensável. Não adianta ficar de joelho fingindo coisa. Tem que agir! Tem que querer, tem que ser! E aí fará por merecer.

2ª pergunta: Teria algum aspecto dos pontos magnéticos centrais que você gostaria de destacar nesse momento?

Sim, o coronário, como vocês chamam, fundamental. Fundamental. O poder que vocês têm por essa conexão com Deus é totalmente desconhecido do mundo de vocês, atrasado. Totalmente. Quando vocês souberem que através dele vocês podem curar doenças, todas as doenças do corpo, vocês rirão e chorarão da própria ignorância.

Muito importante. Como desenvolver isso? Como? Ele é o chakra da humildade. Ele só se desenvolve quando todos os outros se acalmam, porque ele não briga por espaço. Por isso, as seitas antigas e nobres falavam do silêncio profundo. Que é o silêncio profundo? É o acalmar de todos os outros pontos energéticos. Quando todos eles se acalmam, quando todos eles atingem o padrão de menor atividade, a flor desperta. Por isso dizíamos: a verdadeira flor desperta no silêncio. Pensem nisso, vos ajudará muito. Se não agora, no futuro.

A flor desperta no silêncio, filhos. Um silêncio tão belo que não posso descrever para vocês.

Fiquem em paz,

Do amigo espiritual de sempre.

 

7 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s