Nova Geração # 190 – Limitar-se para crescer

Quadras de um poeta morto

Dizem que os mortos não voltam…

Voltam sim. E por que não?

Os corpos daí nos soltam,

Como às aves o alçapão.

Pensei que a morte era o fim

Das ânsias do coração;

Contudo, não é assim…

Nem pó e nem solidão.

Antnio Nobre


Baixar áudio


Livro dos Espíritos

Parte 2. Capítulo VII – Retorno à vida corporal

Item. Influência do organismo

 

367. O espírito, unindo-se ao corpo, identifica-se com a matéria?

“A matéria é apenas o envoltório do espírito, como a roupa é o envoltório do corpo. O espírito, unindo-se ao corpo, conserva os atributos da natureza espiritual.”

368. Após sua união com o corpo, as faculdades do espírito são exercidas com toda a liberdade?

“O exercício das faculdades depende dos órgãos que lhes servem de instrumento; elas são enfraquecidas pela grosseria da matéria.”

a) Assim sendo, o envoltório material seria um obstáculo à livre manifestação das faculdades do espírito, como um vidro opaco se opõe à livre emissão da luz?

“Sim, e muito opaco.”

Pode-se ainda comparar a ação da matéria grosseira do corpo sobre o espírito à de um lodaçal, que tira a liberdade dos movimentos do corpo que nele se encontra mergulhado.

369. O livre exercício das faculdades da alma está subordinado ao desenvolvimento dos órgãos?

“Os órgãos são os instrumentos da manifestação das faculdades da alma; esta manifestação está subordinada ao desenvolvimento e ao grau de perfeição desses mesmos órgãos, como a excelência de um trabalho, à excelência da ferramenta.”

370. Da influência dos órgãos pode-se deduzir que haja uma relação entre o desenvolvimento dos órgãos cerebrais e o das faculdades morais e intelectuais?

“Não confundais o efeito com a causa. O espírito sempre dispõe de faculdades que lhe são próprias; ora, não são os órgãos que dão as faculdades, mas as faculdades que impulsionam o desenvolvimento dos órgãos.”

a) Assim sendo, a diversidade das aptidões, no homem, deve-se unicamente ao estado do espírito?

“Unicamente não é exatamente o termo; aí está o princípio, nas qualidades do espírito, que pode ser mais ou menos adiantado; porém, é preciso levar em conta a influência da matéria que entrava, mais ou menos, o exercício de suas faculdades.”

O espírito, encarnando, traz certas predisposições e, se se admite, para cada uma dessas aptidões, um órgão correspondente no cérebro, o desenvolvimento desses órgãos será um efeito e não uma causa. Se as faculdades tivessem seu princípio nos órgãos, o homem seria uma máquina sem livre-arbítrio e sem responsabilidade pelos seus atos. Seria preciso admitir que os maiores gênios, sábios, poetas, artistas, só fossem assim, porque o acaso lhes tivesse dado órgãos especiais. Donde se conclui que, sem esses órgãos, não teriam sido gênios e que o último dos imbecis poderia ter sido um Newton, um Virgílio ou um Rafael, se tivesse sido provido de certos órgãos; suposição mais absurda ainda, quando a aplicamos às qualidades morais. Assim, segundo este sistema, São Vicente de Paulo, dotado pela Natureza desse ou daquele órgão, teria podido ser um celerado, e ao maior celerado bastaria apenas um órgão para ser um Vicente de Paulo. Admiti, ao contrário, que os órgãos especiais, se é que existem, são consecutivos, que se desenvolvem pelo exercício da faculdade, como os músculos pelo movimento, e nada tereis de irracional. Façamos uma comparação trivial, à força de ser verdadeira. Por alguns sinais fisionômicos, reconheceis um homem dado à bebida; serão esses sinais que o tornam bêbedo, ou a embriaguez é que dá origem a esses sinais? Pode-se dizer que os órgãos recebem a marca das faculdades.


Mensagem Encerramento

 

Filhos, que o Cristo lhes iluminem para que vocês possam entender a beleza verdadeira em todas as dificuldades da vida.

O Cristo é o Mestre, o Professor, mas a estrutura da escola, digamos assim, é a Criação Divina. O Cristo é o amigo que diz: olha, isto acontece por isto, você pode agir assim e vai ser muito bom para você. Estamos todos matriculados na escola divina, e nunca sairemos dela. Por isso vocês devem entender que existem muitas e muitas séries nesta escola.

As primeiras são quase de inconsciência, todos vocês já passaram por isto. Agora, vocês vivem a experiência mais difícil, que é a consciência ligada à grosseria, ao atraso espiritual.

Para os que aprendem logo a lição e mesmo para os que demoram vem à fase seguinte, a consciência envolta na sutileza de um meio evoluído, muito bom. Excelente! Mas é preciso enfrentar a fase atual para se chegar à fase seguinte.

É uma fase breve, falando do ponto de vista de toda a evolução. Mas as lições são essenciais, da mesma forma que foi muito importante vocês aprenderem os movimentos físicos ao longo dos milênios. Agora é muito importante aprender os verdadeiros movimentos espirituais. Essa é a fase que vocês vivem: é o aprendizado psicológico, o aprendizado moral.

Hoje vocês já dominam, em termos de padrão evolutivo, a matéria no sentido dos movimentos, no sentido da manipulação. Agora é necessário aprender, estando em volto de matéria grosseira, saber movimentar-se emocionalmente, saber conduzir as emoções.

Vocês hoje podem escolher, mesmo sendo fracos. Quero direcionar meu movimento a Deus, não a maldade! Quero ao invés de sentir inveja, sentir ternura!  Da mesma forma que vocês escolhem: quero mover meu braço para este lado e não para aquele. Vocês precisam aprender isto: quero direcionar o meu sentimento para a compaixão, não para o ódio. Quero escolher como o meu tesouro a riqueza da compreensão, e não acúmulo do ouro. São estes movimentos, este tipo de capacidade de direção, que vocês ainda não têm.

Em mundo primitivo, espírito vai aprender a direcionar o próprio corpo, ter habilidades físicas, localizar-se no tempo e no espaço, aprender período de colheita, tudo isto é aprendizado indispensável.

Hoje, espírito na Terra é convidado ou diria convocado, porque os tempos são muito austeros, a adquirir poder sobre o movimento dos sentimentos. Precisa aprender como conduzir o movimento, qual o momento adequado para o silêncio, o momento adequado para a fala. Qual é o momento adequado para agir. Qual é o momento adequado para esperar. Onde quero colocar meu sentimento? Em que sentido desenvolver o padrão de relação com o outro? Quero aprender a observar o outro para enganar e manipular? Quero aprender a observar o outro para auxiliá-lo a elevar-se a Deus? É a decisão que vocês têm de fazer nesta fase. Como me direcionar e, como sempre, o ambiente para espíritos em aprendizados grosseiros é terrível, é desafiador, porque vocês são bombardeados emocionalmente e têm de desenvolver os sentimentos em meio a sentimentos terríveis, grosseiros, agressivos e difíceis. Mas esta é a decisão que lhes cabem neste momento.

Mergulhar na carne, hoje, é mergulhar em um lodaçal, também de sentimentos grosseiros, e no meio deste conjunto de sentimentos grosseiros, aprender a direcionar os próprios sentimentos.

É como se mover em uma multidão de pessoas, que se movem perdidas para todos os lugares e você, sob a inspiração do Cristo, saber qual a direção correta. Porque eu digo, amigas e amigos: a maioria está direcionando-se para abismo de dor terrível!

Se você não quer direcionar-se para isto, pergunte ao Mestre: qual o caminho que eu devo direcionar os meus sentimentos? Para que você encontre a vida eterna! E não a dor que parecerá infinita.

Filhos, a condução de si mesmo, hoje, falo de condução íntima, é a tarefa que lhes cabe acima de todas as outras. Vinculem-se ao Cristo, para que ele possa vos guiar nesta tempestade terrível e a vos conduzir a um lugar de profunda paz, onde o amor e a luz predominam, onde não há maldade, onde há verdadeira felicidade. É o que desejo a cada um de vocês.

Do amigo espiritual de sempre.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s