Nova Geração 268 – Anjo da guarda de sociedades

Livro dos Espíritos

519. As aglomerações de indivíduos, como as sociedades, as cidades, as nações têm seus espíritos protetores especiais? 

“Sim, porque essas reuniões são individualidades coletivas que caminham para um objetivo comum e que precisam de uma direção superior.” 



Mensagem de encerramento

Filhos e filhas: fico muito feliz em poder dizer: é certo – já deu certo! O fato de que a marca da Nova Geração vai ser a sua intimidade emocional com o Cristo e relação muita relação direta com o plano espiritual.

Porque são espíritos que vem lhe dar com situações delicadíssimas. Vão precisar de muito diálogo com espíritos verdadeiramente superiores para poder equacionar problemas, encontrar os caminhos de resolução de tudo aquilo que é mais importante. 

Por isto, filhos, é muito importante que vocês que querem sair deste ambiente de falsa religião – existente hoje, inclusive no movimento espírita – comecem a levar muito a sério palavras de Kardec sobre os ensinos do Cristo. Se afastem dos falsos profetas, daqueles que querem se colocar no lugar do Cristo, que querem serem os que dão regras, ao invés dos que obedecem as orientações da Codificação Espírita. 

Pensem que não será aceitável jogar responsabilidade no ombro dos outros, porque se você quer seguir um cego, o problema é teu! É uma opção tua!

Mas, hoje, vocês têm um ensinamento muito claro e explicável. Começa no teu coração, chamando todos os dias seus anjos guardiães para estar contigo. Propõe nas atividades espíritas, não precisa fazer hoje uma avaliação decisiva. Isto é tolice. Precisa primeiro criar proximidade, abrir espaço inicialmente para o dirigente dar mensagens gerais. Toda semana. Ao longo dos meses vocês vão conhecer o perfil deste espírito.

Comecem a fazer perguntas menos relevantes para abrir diálogo, somente depois de certo tempo, se discuta questões centrais. Este é o caminho que sugiro. Criar intimidade semanal pelo menos. 

Toda a semana uma mensagem que ele vai comentar. Deixa livre. Se toda a reunião mediúnica tiver isto, se toda a avaliação semanal tiver isto, vocês vão tendo várias mensagens registradas, em dias, médiuns diferentes, para poder ter material de reflexão, de estudo, e depois chegar a uma compreensão em conjunto.

Não estou dizendo nada demais e a maioria dos centros não quer fazer isto, por isto estão se afundando, filhos, em materialidade, porque não estão buscando a orientação no lugar certo.

Dizem: ah… Busco no Evangelho, mas não tem sabedoria para interpretar e se tornam tolos. E tem uns que começam a achar até o Evangelho desatualizado. São espíritos que optam por permanecer nas trevas. 

Tenho convicção que o dirigente espiritual das atividades de vocês, que me escutam, tem capacidade de mostrar a atualidade do Evangelho para cada pequena questão administrativa do centro espírita. E para cada gravíssima questão que hoje ocorre em todo o mundo.

Portanto, filhos, vamos dar espaço a estes amigos, ganhar confiança, credibilidade, analisar mensagens com muito critério, com muito carinho, com muito respeito. E aos poucos desenvolvendo relação verdadeira, e ai ele poderá de fato se tornar um orientador direto e objetivo das atividades de vocês.

Façam isto, pois estamos em tempo desafiadores, apocalípticos. E aqueles que não tiverem intimidade com o mais Alto, literalmente irão enlouquecer. Muito importante isto. Façam e abram mais um caminho em seus corações para dialogar com legítimos e verdadeiros representantes do Cristo ao invés de estarem vendo estes falsos profetas da moda tanto dentro quanto fora do Espiritismo. 

Que o Cristo possa encontrar espaço em teu coração, filho. E que os espíritos iluminados que ele ordenou  orientar, o encontre disposto a seguir orientações do mais Alto. 

Que vocês fiquem em paz, do amigo espiritual de sempre. 


                       Livro dos Espíritos 
                          Segunda Parte 
Capítulo IX Intervenção dos Espíritos no Mundo Corporal
                                 -
1. Penetração dos espíritos no nosso pensamento.
2. Influência oculta dos espíritos nos nossos pensamentos e nas nossas ações.
3. Possessos.
4. Convulsionários.
5. Afeição dos espíritos por certas pessoas.
6. Anjos guardiães, espíritos protetores, familiares ou simpáticos.
7. Pressentimento.
8. Influência dos espíritos nos acontecimentos da vida.
9. Ação dos espíritos nos fenômenos da Natureza.
10. Os espíritos durante os combates.
             
                 Perguntas do capítulo 459 a 557
Categories: Nova Geração

O que você achou?